quarta-feira, 28 de março de 2018

Presidenciáveis da esquerda se unem em resposta ao ataque contra caravana de Lula Brasil

Presidenciáveis da esquerda se unem em resposta ao ataque contra caravana de Lula
Os candidatos da esquerda à Presidência da República deverão propor uma unidade em resposta ao ataque a tiros contra a caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta terça-feira (27). Integrantes do PT, PSOL, PCdoB e PDT criticam o que chamam de "manifestações fascistas", numa escalada de violência na política. À coluna Painel, da Folha de S.Paulo, o pré-candidato Guilherme Boulos disse que as diferentes perspectivas da esquerda não podem impedir a defesa da democracia. "O que está em questão é que, neste momento, estão prevalecendo atitudes de ódio e intolerância. Com fascismo não se brinca", disse.  (BN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário